Fechar PFTV
Publicidade
Sporting vence e alcança 23 jogos sem perder fora
Um golo de Nani, apontado aos 51 minutos, permitiu ao Sporting sair de Braga com precioso triunfo e correspondentes três pontos, que colocam o «leão» no segundo lugar ao lado do Benfica (os «encarnados» jogam segunda-feira com o Beira-Mar, em Aveiro).

O triunfo na «pedreira» (palco na época passada para a única derrota do Sporting fora de Alvalade na «era» Paulo Bento) valeu igualmente à formação leonina a quarta vitória consecutiva pela primeira vez esta época.O disparo de Tello no primeiro minuto de jogo, na cobrança de um livre directo (de onde marcara no Dragão), seria o prenúncio para entrada de «leão» do Sporting.
Personalizada e dominadora, a equipa de Alvalade instalou-se no meio-campo do Sp. Braga e mostrou desde o início ao que vinha. Tello, mais uma vez num livre directo (12m), e Liedson, num cabeceamento a corresponder a cruzamento «com olhos» de João Moutinho (13m), ficaram muito perto do golo.


O Sp. Braga, remetido ao seu último reduto e sem capacidade para gizar lances de ataque, logrou «sacudir» a pressão a que estava sujeito e subir no terreno. As iniciativas dos donos da casa eram tímidas e não representavam perigo para a baliza de Ricardo.


Até ao derradeiro apito de Bruno Paixão na primeira parte, o Sporting ameaçou a baliza de Paulo Santos por Liedson (43m) e Miguel Veloso (44m), este último num «disparo» a uns bons 35 metros da baliza que obrigou o guarda-redes a aplicar-se entre os postes.


O arranque da etapa complementar foi em tudo idêntico ao que se havia assistido na primeira metade, com uma diferença: o Sporting chegou ao golo por Nani, à passagem do minuto 51. Romagnoli tirou um cruzamento, Paulo Santos, pressionado por Yannick socou para a frente, a bola sobrou para a cabeça de Nani, que com alguma sorte atirou para o fundo das redes.


A vantagem leonina pecava por tardia, mas acabou por ter efeitos nefastos. Isto porque o Sporting perdeu a acutilância e agressividade que evidenciara nos primeiros 45 minutos, sendo que a entrada de Alecsandro para o lugar de Yannick contribuiu para que isso sucedesse. O Sp. Braga «espevitou» e já com João Pinto em campo ficou perto de restabelecer a igualdade por intermédio de Maciel, que aos 68 minutos desperdiçou soberana ocasião de golo.


Os «arsenalistas», que procuravam o pleno na «pedreira» frente aos grandes (derrotaram FC Porto e Benfica), lograram inverter os papéis, empurraram o adversário para o seu último reduto (o «leão» começou então a fazer do contra-ataque a sua arma), mas sem o necessário discernimento para chegar ao golo da igualdade, muito por culpa do nervosismo e ansiedade que se apoderaram dos jogadores (Nem recebeu vermelho directo, já nos descontos, por protestar uma decisão de Bruno Paixão).

MVP Planet Football 10- Nani


Ficha de Jogo


Estádio Municipal, em Braga


Árbitro: Bruno Paixão (Setúbal)


Sp. Braga- Paulo Santos; Luís Filipe, Nem, Paulo Jorge e Carlos Fernandes (Cesinha, 74m); Frechaut, Andrade (Chmiest, 83m) e Vandinho (João Pinto, 58m); Maciel, Zé Carlos e Wender.


Sporting- Ricardo; Abel, Caneira, Polga e Tello; João Moutinho (Custódio, 84m), Miguel Veloso, Romagnoli (Pereirinha, 74m) e Nani; Yannick (Alecsandro, 62m) e Liedson.


Ao intervalo: 0-0


Disciplina: Cartão amarelo a Paulo Santos (11m), Wender (35m), Zé Carlos (37m), Maciel (57m), Caneira (77m). Cartão vermelho directo para Nem (90+2)


Marcadores: 0-1, Nani (51m);


Resultado final: 0-1.



fonte: abola.pt
foto: sportugal.pt (Nani, Veloso e Djaló festejam a vitória em Braga)
publicado por Bruno Leite
Comentários a "Sporting vence e alcança 23 jogos sem perder fora"
Ultimas entradas
Posts Históricos
Visitantes
Pesquisar
PF10 TV

Publicidade


Click Here

Arquivos
Grupo Galáxia