Fechar PFTV
Publicidade
BOLA NA REDE!POR TIAGO PINTO...

Afinal nós pagamos para ver o quê?

No passado sábado estava eu colado à TV a ver o United – Arsenal (com os jogadores do Trofense todos ao meu lado – que grande equipa eles têm) quando Nani arranca uma jogada digna de um enorme jogador. Recebe a bola de cabeça e quando se apercebe que ela vai fugir consegue dar uns tantos toques seguidos, mesmo estando a ser incomodado pelo adversário. Ainda com a bola passa-a para os pés, mais uns toques e, finalmente, parte o adversário todo (que já andava de rastos). Gilberto Silva insutlou-o mas, afinal, o que queria era avisá-lo que a jogar daquele forma ainda levaria um pontapé muito feio…

Na verdade não demorou muito, porque o porco do Gallas atirou-se para cima do rapaz (depois e levar mais um nó cego) como se não houvesse amanhã. Já sei que não faltará quem concorde com esta postura quer de Gilberto, quer de Gallas. Na verdade em Portugal somos assim: “o Quaresma devia era levar uns troços para ver se aprende”; “o Ronaldo põe-se para ali a brincar e depois não quer apanhar no corpo”…

Já estou habituado a ouvir isto constantemente e fico a pensar: mas final o que é futebol? Eu pago para ver quem, o Gilberto e o Gallas, ou o Ronaldo e o Nani? Já sei que me dirão que o futebol é um desporto colectivo. Certo! Que numa equipa todos os elementos são importantes. Certo! Mas alguém viu um jogador oferecer pancada – ou dar, mesmo – ao Nesta por ele fazer cortes impecáveis? Alguém viu um jogador pontapear o Ferdinand e o Vidic por limparem todas as bolas que caem na área? Já alguém viu um colega de profissão insultar o Ricardo Carvalho quando, para além de defender bem, arranca por ali fora com a bola e passa por todos? Eu nunca vi! O futebol é um jogo colectivo, uma equipa é muito mais do que a soma de individualidades, contudo devemos respeitar as diferenças entre os jogadores. Nani não foi insultuoso como Edilson foi aqui há uns anos no campeonato Brasileiro, mas mesmo assim, por ser melhor do que outros, por deixar os adversários prostrados no chão merece uns troços…

Isto é a lógica da batata! A inveja e raiva pelos outros serem melhores mascara-se de um estúpido paternalismo bem representado pelas declarações de Gilberto Silva. Era a mesma coisa que o David Luiz (depois de ser ultrapassado por Quaresma) ir atrás do ciganito e dar-lhe um tabefe dizendo: “é para te avisar, senão qualquer dia vais apanhar uma pancada forte, isso não se faz”.

Pago para ver os jogadores todos, pago para ver a equipa do United, adoro vê-los, elogio o seu colectivo e a sua solidariedade enquanto equipa mas quem me faz levantar do sofá é o Ronaldo, o Nani, o Anderson, o Rooney, por mais que goste (e adoro) o Vidic e o Ferdinand.

Etiquetas:

publicado por Tiago Pinto
Comentários a "BOLA NA REDE!POR TIAGO PINTO..."
Anonymous Anónimo
Não me choca nada.

Se estivesse 0-0 ou o United a perder ele não fazia aquilo.

E se fizesse era o Ferdinand que lhe lá ia dizer que se não se pusesse a pau levava nas orelhas.

Melhores cumprimentos.
20 de fevereiro de 2008 às 11:20  
Tiago é muito bom ver as fintas do Ronaldo e companhia mas tambem tens de perceber que finta a mais é exagero, uma vez, duas vezes acho que mais finta que isso numa jogada e finta a mais...
Olhando para o Ronaldo (pelo menos nos jogos da selecçao) ele pensa que so joga ele!

Abraços
20 de fevereiro de 2008 às 14:37  
Anonymous dsco
Não tive oportunidade de ver as imagens do jogo, mas ao ler a tua descrição do que se passou lembrei-me do que aconteceu ao jogador brasileiro Kerlon ("foquinha"). Já foi agredido ao pontapé e à cotovelada por fazer um drible impressionante com toques de cabeça.
http://www.youtube.com/watch?v=YBXv5FISzjg
http://www.youtube.com/watch?v=W6yBYk_BTtU

Acho que por regra geral, os adversários ou defesas vêm estes lances como uma provocação e sentem-se humilhados. Depois alguns respondem de uma forma muito pouco desportiva e profissional.
20 de fevereiro de 2008 às 16:02  
Ultimas entradas
Posts Históricos
Visitantes
Pesquisar
PF10 TV

Publicidade


Click Here

Arquivos
Grupo Galáxia